segunda-feira, 17 de maio de 2010

O lazer e as crianças com deficiência


Aqui fica um video que encontrámos durante uma pesquisa no youtube

sábado, 15 de maio de 2010

As " Obras de arte"

Estes são os desenhos que os 9 meninos da sala PE3 criaram no fim da actividade "Criança Hoje, Adulto Amanhã", para o nosso grupo expor na nossa escola. Quando souberam que os desenhos eram para colocar na Vitorino, ficaram muito intusiasmados e cheios de ideias!




Video de preparação da actividade: "Criança Hoje, Adulto Amanhã"


Aqui fica o segundo video feito durante a preparação do precurso, no qual demonstramos a actividade =)

Video da preparação da actividade: "Criança Hoje, Adulto Amanhã"

Certificado de Participação


Aqui está o Certificado de Participação entregue a cada uma das crianças, durante a actividade: "Criança Hoje, Adulto Amanhã"

Fotografias da preparação do circuito da actividade: "Criança Hoje, Adulto Amanhã"









Actividade Realizada

Durante a tarde que estivemos na instituição Tutor Time - Parque das Nações realizámos as seguintes actividades, com as crianças da turma PE3:
1) Circuito cnstituido pelas seguintes etapas:
-7 passo à "bebé";
-5 saltos à corda;
-Progressão com a bola, contornando os pinos;
-Progressão dentro de saco;
-Corrida até aos balões, onde setem que tocar;
-Corrida até à última estação;
-Molhar a cara e retirar, com a boca, um rebuçado de dentro de um recipiente com farinha.

2)Jogo do Macaquinho do Chinês;

3)Jogo de futebol com equipas mistas;

4)Desenhos, para serem, posteriormente colocados em exposição na nossa escola;

5)Entrega de Certificados de Participação e saquinhos com goluseimas a cada criança que participou na actividade.

Actividade: "Criança Hoje, Adulto Amanhã"


Na passada quarta-feira, dia 12 de Maio, o nosso grupo foi à instituição Tutor Time, no Parque das Nações.
Esta instituição, fundada em 1990, tem a seu cuidado mais de 25.000 crianças, entre as 6 semanas e os 12 anos de idade, espalhadas por cerca de 200 Centros nos Estados Unidos.
Neste momento está a expandir-se para o resto do mundo (Canadá, Hong Kong, Indonésia e Filipinas) e Portugal é o primeiro país da Europa em que está representada.
O conceito da Tutor Time é inédito e completamente inovador em Portugal, sendo que no nosso país ainda só foi a berto um centro, o do Parque das Nações, inaugurado em Setembro de 2005.
O nosso grupo teve o privilégio poder contactar com as crianças que frenquentam este centro de ensino, bem como com os docentes que lá trabalham.
Deslocámo-nos ao centro com o intuito de realizar algumas actividades lúdicas com as crianças.

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Uma viagem um pouco atribulada...

Na passada segunda-feira, dia 26 de Abril, às 10h e 30min, o nosso grupo tinha uma reunião marcada com uma das responsáveis pela CASA SOL. A reunião tinha como intuito entregar os alimentos recolhidos durante a campanha realizada pelo grupo e conhecer a instituição para melhor a dar a conhecer à comunidade escolar, a familiares e amigos.

Então na segunda-feira, pelas 9horas , eu (Núria), a Ana Filipa e a Sónia encontrámo-nos na escola para ir buscar os alimentos que se encontravam guardados no gabinete de geografia e depois podermos ir para a associação.
Bem, devo confessar que foi uma manhã deveras atribulada vejamos…
Problema nº1:
Assim que chegámos à escola, eu e a Sónia verificámos que teríamos algumas dificuldades a chegar ao gabinete de geografia, pois para além de uma das duas portas de acesso ficar dentro da sala nº25 que estava apinhada de alunos em aulas, ninguém nos sabia dizer onde estava a chave da outra porta de acesso. Mas enfim, lá encontrámos alguém que nos soube dar a chave depois de séculos à procura. Estávamos salvas!
Pois…afinal não! Parece que alguém decidiu colocar todos os sacos com os mais de 100 alimentos recolhidos por detrás da porta, ou seja, a porta do gabinete não abria…mas no final não foi assim tão mau, afinal só foram necessárias três pessoas a empurrar a porta do lado de fora para que conseguíssemos desviar os sacos que impediam a passagem…
Logo em seguida, começámos a dividir os bens alimentares pelas mochilas que cada uma de nós trazia e por sacos, foi nesse momento que nos apercebemos que se calhar éramos poucas para tanta coisa, mas não foi isso que nos fez desanimar e lá fomos nós! Cada uma com uma mochila às costas completamente a abarrotar, a Ana Filipa com 3 sacos eu e a Sónia com outros dois e ainda um daqueles sacos enormes que dão nos supermercados com uns 20kg só em arroz, e viva ao esforço físico =)
Fomos até ao metro se grandes percalços, apesar do calor que se fazia sentir e das três paragens que fizemos no caminho só para descansar um bocadinho, basicamente: mais de 10min para fazer um percurso que nem 3min demora. Apanhámos o metro e fomos até ao Saldanha onde teríamos que sair do lado da casa da Inês e apanhar o 742 no sentido Alto da Ajuda, é fácil certo? =)
Problema nº2
Pois nós também achámos, mas pormenor: qual é a saída do metro que dá para o lado da casa da Inês?
Sónia: -Núria, tu que és a única que já lá foste vê lá qual é a saída sff.
Filipa: -Olhem…casa de banho?!!!-desespero total
Núria:-Oh Sónia é aquela! Tenho a certeza! Ah espera! Afinal é aquela…ah não acho que é do outro lado… Já sei! É aquela! Foi ali que eu sai quando vim a casa dela.
(Depois de sairmos da estação pela dita cuja saída)
Núria:-Ok…afinal acho que não é aqui…
Sim…estávamos perdidas…claramente. Mas também não era assim tão difícil, bastava perguntar a alguém onde é que havia uma paragem do 742 e estávamos safas.
Problema nº3:
Ninguém nos sabia dizer onde ficava a paragem do 742, chegámos ao cúmulo de conseguir achar uma senhora à qual pedimos indicações que conseguia estar tão ou mais perdida que nós xD
Entretanto, a Ana Filipa foi ao MacDonald’s À casa de banho e atenção: ainda se conseguiu perder lá dentro à procura da casa de banho.
Bem enfim, depois de andarmos, andarmos, andarmos lá decidimos apanhar um táxi, não havia outra hipótese, tinha que ser.
Problema nº4:
Pedimos ao um taxista para parar, entrámos no táxi e o taxista muito amavelmente perguntou-nos onde queríamos ir. E a nossa resposta foi : “Tapada da Ajuda” ao que o sr. responde:“Não sabem o nome da rua e o número?”…pois é, qual era o nome da rua e o número?! Mas que ninguém se aflija: viva ás chamadas á borla e aos professores que deixam atender os telemóveis durante as aulas! A Ana telefonou à Ana Marta que se encontrava na aula de A.P. e que muito amavelmente foi à internet e nos disse a morada “Rua Pedro Calmont nº29”, nunca mais nenhuma de nós se vai esquecer onde fica a CASA SOL xD
Problema nº5
Dissemos a morada ao taxista, que muito prontamente respondeu:
- Então e isso fica na Ajuda?!
PÂNICO! Fujam! Nem o taxista sabia que rua era aquela!
-Mas não se preocupem meninas que eu tenho aqui uma coisa que ajuda muito.
Após longos segundos de medo (muito medo), enquanto o sr. procurava qualquer coisa no porta luvas e conduzia ao mesmo tempo por uma das maiores artérias de Lisboa, que estava completamente atafulhada de carros numa correria infernal, lá surgiu o objecto pretendido:
-Aqui está! Este roteiro deu-mo o meu primeiro patrão! Há mais de quarenta ianos! A capa já não esta grande coisa mas tens as ruas todas, os restaurantes e hotéis também! É uma marabilha! Olhe menina beja lá ai se acha a rua por favor – apontando o roteiro para mim – não se preocupe que é fácil, eu só não procuro porque as letras são muito miudinhas para a minha bisão.
Pronto, lá procurámos o nome da rua no tal roteiro e demos as indicações ao taxista, que nos responde:
-Bêem? Eu não bos disse? É uma marabilha! E já tem quarenta ianos! Ah só não tem é o nobos sítios de Lisboa, nem os restaurantes e hotéis mais recentes, mas de resto tem tudo!
Seguiu a viagem sem grandes atribulações, claro sempre ouvindo o sr.Taxista contando que aquele roteiro fora a única coisa que não perdera ao seu patrão.
Finalmente chegámos, no final de contas o sr. sempre soubera onde era a rua mas estava a confundi-la com outra!
Ao chegar à instituição fomos recebidas pela educadora Andreia, que desde logo nos agradeceu os bens doados, esclarecendo que estes vinham em óptima altura, uma vez que a associação está a passar por algumas dificuldades. De seguida fomos fazer uma visita guiada à instituição. Fomos apresentadas a algumas das crianças que se encontravam na casa, que nos receberam com grande amabilidade e carinho.
Constatámos que apesar da excelente organização e do enorme esforço feito pelos membros da associação, esta está a passar por algumas dificuldades pela falta de espaço uma vez que cuida de um número de crianças que constitui o dobro da capacidade que a casa tem , para além de todas as dificuldades de carácter financeiro devido aos imensos gastos e à falta de ajudas do estado. Neste momento a CASA SOL necessita do maior número de apoios possíveis e de uma casa nova e maior urgente para continuar a realizar o excelente trabalho que tem desenvolvido.
Esta visita fez-nos compreender que apesar de ser muito conhecida a instituição não possui qualquer tipo de apoios financeiros nem qualquer tipo de patrocinadores ao contrário de muitas instituições, sendo que sobrevive da ajuda de particulares.

E foi assim a nossa viagem, muito animada e atribulada, mas que valeu mais que a pena pois afinal de contas fomos ajudar quem mais precisa e merece.

Agradecimentos:
-Inês Venceslau – aquela cuja casa nós não soubemos encontrar, mas que nos deu indicações valiosas
-Professor Mário Rodrigues – que ainda nos há-de dar o dinheiro que gastámos no táxi (Mais de 25 euros stôr!!)
-Marta Marçal – pelo nome da rua
-Educadora Andreia – pela imensa simpatia e paciência
-A todos os que contribuíram para a campanha trazendo os alimentos que nós doámos à instituição.
-E claro! Agradecemos ao Senhor Taxista, pois sem ele a viagem não teria tido graça.

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Visita à Casa SOL - Associação de Apoio a Crianças Infectadas Com o Virus do HIV




No passado dia 26 de Abril, segunda-feira pelas 10h e 30min, o grupo realizou uma visita à instituição SOL.
O grupo entregou as 105 unidades de alimentos que conseguiu recolher entre os familiares e amigos durante acampanha realizada.
Durante o tempo que estivemos na associação, fizemos uma visita guiada pela educadora Andreia que nos recebeu com grande amabilidade e agradeceu os bens oferecidos.
Aqui estão algumas fotografias tiradas durante a visita.

domingo, 25 de abril de 2010

Museu dos Brinquedos.






Leve os seus filhos a ver beleza de Sintra e não se esqueça de dar um pulo no Museu do Brinquedo, onde pode divertir-se com as suas crianças.
Para além da exposição de brinquedos, o museu participa em vários eventos e tem como missão "cumprir a divulgação da História do Homem através da preservação, conservação e mostra do Brinquedo enquanto património mundial que contempla múltiplos paradigmas temporais e geográficos permitindo a compreensão e a análise crítica do mundo, dos seus habitantes e das suas mudanças, dos seus sonhos e desejos".
O preço dos bilhetes varia entre os 2,00 e os 4,00 euros, consuante a idade.

Para mais informações visite o site do Museu:http://www.museu-do-brinquedo.pt

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Há um futuro sem trissomia 21 - Público

"Há boas e más notícias em relação à incidência de trissomia 21: as más são que há cada vez mais casos detectados em grávidas. De acordo com um estudo britânico são mais de 70 por cento. As boas são que, apesar disto, nascem cada vez menos bebés com a doença. Os especialistas acreditam que há um futuro sem trissomia 21. Por Ana MachadoHá boas e más notícias em relação à incidência de trissomia 21: as más são que há cada vez mais casos detectados em grávidas; as boas são que, apesar disto, nascem cada vez menos bebés com a doença. Os especialistas acreditam que há um futuro sem trissomia 21. Amanhã celebra-se o Dia Mundial dedicado a esta doença."
Por Ana Machado

sábado, 17 de abril de 2010

"Apanhados"

video


Para quem voltou de férias escolares e já precissa de uma pausa ou para quem precissa de uma férias, deixamos aqui o apanhado da nossa reportagem de rua, "O que é a infancia". Com este video de "apanhados" não vai conseguir parar de rir.
Esperamos que goste!



segunda-feira, 12 de abril de 2010

segunda-feira, 8 de março de 2010

Conferência

Sexta-feira, dia 5 de Março de 2010 ás Drs.: Manuela Marques e Manuela Antunes realizaram uma conferência a nosso pedido, sobre a "Educação na Infância
Actual".



Videos sobre a erotização infantil, consumo infantil e influências dos pais.

Aqui ficam mais videos, estes retratam muito bem as crianças de hoje e a influência que os pais têm na sua aprendizagem.





segunda-feira, 1 de março de 2010

Neste período, o nosso grupo pretende abordar e expor o tema da educação infantil.
A colocação deste vídeo tem o intuito de iniciação ao tema.
Fiquem atentos ao nosso blog e website para as próximas nóticias acerca deste tema, onde vários pais tem muitas dúvidas, esperámos ajudar e dar a conhecer os grandes factores de uma boa educação.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Aprender

" Aprender é a única coisa de que a mente nunca se cansa, nunca tem medo e nunca se arrepende. " Leonardo da Vinci

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010


Diferenças – APATRIS

Diferenças é um centro de desenvolvimento infantil que integra uma vasta equipa de técnicos de diferentes áreas. Constitui umas das unidades independentes da Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21.
A instituição executa programas de intervenção específicos para as perturbações do desenvolvimento infantil.
Aqui, são realizadas consultas de desenvolvimento, baseadas nas mais modernas metodologias de avaliação e da formulação de diagnósticos existentes no campo.

Programas Operacionais da instituição:

Trissomia 21
Síndrome de Turner
Défices cognitivos
Perturbações de linguagem
Perturbações do espectro do autismo (Austismo, Síndrome de Asperger, pdd-nos, Síndrome de Heller)
Dificuldades de aprendizagem – Dislexia, Disgrafia e Discalculia
Perturbação de hiperactividade com défice de atenção
Perturbação da coordenação motora
Crianças sobredotadas
Apoio a pessoas com deficiência em estado terminal
Apoio a grávidas com fetos com deficiência
Etc.

Contactos da instituição:
Morada: Centro Comercial da Bela Vista, loja 32
Av. Santo Condestável, via Central de Chelas
1900-806 Lisboa
Telefone: 218 394 222
Website:
www.diferencas.net
E-mail: geral@diferencas.net